V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Mobilidade Acadêmica e os diferenciais para carreira 

O estudante do curso de Medicina da Unit Mateus Araújo se prepara para iniciar a mobilidade acadêmica na Universidade de Guadalajara, no México. 

às 19h30
"A minha expectativa é de conhecer a metodologia de ensino de uma universidade estrangeira, ter a experiência de estudar no exterior, além de praticar meu espanhol".
Compartilhe:

Mateus Araújo é acadêmico do curso de Medicina da Universidade Tiradentes e participará do Programa de Mobilidade Acadêmica Internacional da instituição de ensino. O estudante foi um dos selecionados do ProMAI e terá a oportunidade de estudar durante um semestre na Universidade de Guadalajara, localizada no México.

“Escolhi a Universidade de Guadalajara por ser uma instituição de prestígio, mantendo-se entre as cinco melhores universidades de medicina do México, além de possuir excelente média dos graduados no Exame Nacional de Aspirantes a Residências Médicas. Muitos dos médicos formados pela instituição de ensino exercem carreira em hospitais estrangeiros conceituados”, comenta Mateus.

O Programa de Mobilidade Acadêmica Virtual garante uma experiência internacional de forma gratuita, sendo um diferencial para o currículo O ProMAI tem como objetivo promover o aprendizado acadêmico a partir da vivência de experiências em instituições de ensino de outros países.

“Sempre tive interesse em fazer a mobilidade acadêmica. A minha expectativa é de conhecer a metodologia de ensino de uma universidade estrangeira, ter a experiência de estudar no exterior, além de praticar meu espanhol”, declara.

“Espero obter conhecimento, trocar experiências e enriquecer minha graduação. Provavelmente, renovarei por mais um semestre, totalizando um ano”, acrescenta.

Para o acadêmico do curso de Medicina, a oportunidade é importante para minha trajetória acadêmica. “A experiência agregará conhecimento profissional, além de crescimento pessoal pois terei a oportunidade de vivenciar um pouco da cultura, mesmo que de forma remota”, destaca.

“Por ser uma vivência diferenciada, na qual me permite obter um conhecimento extra-faculdade, além de me inserir em um contexto internacional, contribuirá para o meu crescimento profissional”, complementa.

Após a graduação, Mateus almeja ser aprovado em uma residência médica. “Desejo ser um profissional competente, qualificado e apto para o campo de trabalho. A Unit contribui por meio do ensino de qualidade fornecido, baseado nos programas atuais de carreira médica”, finaliza o futuro médico.

 

Leia mais:

Mobilidade acadêmica amplia perspectiva profissional

“O intercâmbio foi a maior experiência da minha vida”, diz acadêmico.

Compartilhe: