V E S T I B U L A R UNIT
MENU

O papel do profissional de contabilidade na prestação de contas eleitorais

A live, que está disponível no Youtube, abordou a resolução de 2018 que obriga a participação de um profissional da contabilidade durante campanha eleitoral

às 20h21
Compartilhe:

Por Ana Dulce e Quezia Cerqueira

A Universidade Tiradentes lançou mais uma live para que os alunos, colaboradores e estudantes no geral pudessem se atualizar. Dessa vez, o tema abordado foi sobre o papel do profissional de contabilidade na prestação de contas eleitorais e está disponível no canal do Youtube da instituição.

O objetivo da live e da coordenação de Ciências Contábeis é inteirar os estudiosos sobre a resolução de 2018 em que por lei é obrigatório a participação de um profissional da contabilidade para os partidos eleitorais e que disciplina os mecanismos de financiamento, arrecadação de gastos e administração de recursos usados pelos partidos e seus candidatos. 

O Professor Alex Santos explicou quais os pré-requisitos para o profissional de contabilidade atuar na campanha eleitoral. “É importante ser formado e ter registro no Conselho Regional de Contabilidade do Estado de Sergipe (CRC) e principalmente que goste de estudar. A prestação de contas eleitoral exige que o profissional leia bastante.” 

O trabalho de contador começa bem antes da campanha. É o contador quem registra os bens do candidato, orienta a abertura de conta e CNPJ e faz todo o orçamento dos recursos que serão usados durante a campanha eleitoral.

“Nosso trabalho não é meramente alimentar sistema. Nosso trabalho é evitar que o candidato cometa algum ato por desconhecer ou fraude para tentar se beneficiar indevidamente”, pontuou Alex.

Além de explicar as atribuições do profissional da contabilidade na prestação de contas eleitorais, o professor Alex Santos também respondeu perguntas que os participantes da live fizeram. Quem tiver o interesse de assistir e se informar sobre o tema basta acessar este link.

Compartilhe: