V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Unit promove manhã de cidadania no mercado


às 15h18
Alunos de Fisioterapia orientam as pessoas
Alunos de Fisioterapia orientam as pessoas
Doutor Sotero atende os pacientes encaminhados pelos alunos
Compartilhe:
Alunos de Fisioterapia orientam as pessoas

Alunos de Fisioterapia orientam as pessoas

Numa ação extensionista como a realizada na manhã deste sábado, 25, no mercado central de Aracaju pela Unit através dos alunos dos cursos da área de saúde em parceria com o Centro de Diabetes de Sergipe é possível detectar que entre 70 a 80% das pessoas submetidas ao teste glicêmico estão com a glicemia acima do normal. A afirmativa é do endocrinologista e presidente do Centro de Diabetes de Sergipe, doutor Raimundo Sotero.  Segundo ele os dados contemplam os que são diabéticos e também aqueles que não sabem estar com a doença, fato que agrava ainda mais a situação e representa um grave problema de saúde pública no Brasil.

A parceria estabelecida com a Unit através da ação desenvolvida por professores e alunos dos cursos da área da saúde tem um papel social de grande relevância. “A falta de acesso aos postos de saúde distancia as pessoas que trabalham no mercado da noção que elas precisam ter sobre o seu os riscos de doenças graves como é o caso da diabetes”, lembra o doutor Sotero acrescentando que a ação extensionista procura suprir a carência através do atendimento gratuito, da detecção e do encaminhamento, quando necessário, de pacientes diabéticos. “Mesmo com o excesso de urina, do consumo da água e da perda do peso muitas pessoas não se apercebem de que podem estar com a doença e quando são dão conta da gravidade já não pode fazer muito para reverter o quadro” afirma o médico.

Doutor Sotero atende os pacientes encaminhados pelos alunos

Doutor Sotero atende os pacientes encaminhados pelos alunos

O professor Preceptor Flávio Martins do Nascimento Filho revela que a ação dos alunos do curso de Fisioterapia tem papel fundamental no que se refere à descoberta do diabetes, através de uma avaliação simples. “Através da avaliação é possível mostrar para o indivíduo os riscos que ele corre podendo até amputar um dedo ou um membro em decorrência das alterações do organismo provocadas pela elevada taxa de açúcar”, afirma o docente.

Ao ser atendido o Senhor Hunaldo Brito, 52 anos, constatou que sua taxa glicêmica apresentou uma alteração de cerca de 200% do valor normal. Ciente da necessidade de começar a se cuidar o feirante enaltece a ação dos alunos e diz que sem o tipo de serviço oferecido por eles retardaria ainda mais a descoberta do problema.

A aluna do terceiro período de Biomedicina Vanessa Pereira Santos participa pela segunda vez de uma ação direta com a população. “Esse é um momento em que percebo o quanto é importante partilhar com as pessoas aquilo que obtive de conhecimento em sala de aula”, lembra.

Adriana Guimarães coordena o Laboratório Central de Biomedicina e durante a ação promovida no mercado ela enfatiza a importância de os alunos saírem da sala de aula para desenvolver uma ação social juntamente com a população.

O diretor da área de Saúde da Unit, médico e professor Hesmoney Ramos Santa Rosa lembra que a ação solidária realizada pela instituição em parceria com o Centro de Diabetes de Sergipe tem importância ímpar porque procura descobrir precocemente pacientes portadores da doença.

Fotos – Marcelo Freitas

Compartilhe: