V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Como evitar o endividamento?

Sessenta milhões de brasileiros estão endividados e uma das principais causas é o cartão de crédito. Mas com planejamento financeiro é possível evitar as dívidas.

às 11h55
Imagem: Freepik
Imagem: Freepik
Compartilhe:

Dados do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) apontam que cerca de 60 milhões de brasileiros estão endividados. Destes, 30 milhões estão na categoria de superendividados. As principais fontes de dívidas familiares são o cartão de crédito, carnês e financiamento de veículos.

Segundo a coordenadora do Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal da Universidade Tiradentes (NAF/Unit), Flávia Karla, para evitar o superendividamento é importante fazer o planejamento financeiro, anotando todas as receitas e despesas familiares. “O que eu ganho tem que dar para cobrir esses gastos, que podem ser permanentes ou periódicos”, disse.

Uma das principais causas do endividamento é o uso excessivo do cartão de crédito. Flávia explica que é possível utilizá-lo com consciência, mas é preciso avaliar se é necessário ou não realizar a compra. “Utilizar o crédito de forma consciente é verificarmos se realmente precisamos comprar naquele momento, com aquelas parcelas e naquelas condições. Refletindo antes, conseguimos frear a vontade de comprar”, orientou. 

Mas é preciso estar atento às facilidades do cartão de crédito e às propagandas de crédito fácil, aumento de limite e cheque especial. “O risco do uso do crédito é que a gente pode ter um excessivo endividamento achando que tem aquele valor disponível. Mas o crédito que utilizamos hoje, limita o nosso poder financeiro no futuro”, alertou Flávia.

Em caso de endividamento, é importante traçar um plano para saná-lo. Além disso, o planejamento financeiro também prevê uma reserva financeira para eventuais necessidades e o estabelecimento de metas. “Para isso, é preciso sermos firmes e disciplinados”, concluiu a coordenadora.

 

Leia também: Educação financeira: dicas para melhorar as finanças

Compartilhe: