V E S T I B U L A R UNIT
MENU

Mobilidade acadêmica: como escolher a universidade

O aluno deve levar em consideração aspectos como idioma, cultura, custo de vida e estrutura física para não frustrar suas expectativas

às 11h30
A escolha da universidade faz parte de um bom planejamento para o intercâmbio de estudos no exterior (Divulgação/UMass Boston)
A escolha da universidade faz parte de um bom planejamento para o intercâmbio de estudos no exterior (Divulgação/UMass Boston)
Compartilhe:

Estudar no exterior está cada vez mais fácil, já que as universidades têm facilitado o ingresso para estrangeiros. Porém, o candidato precisa ter atenção na hora de escolher em qual universidade estrangeira estudar e levar em conta aspectos como idioma, cultura, custo de vida e estrutura física.

Para a assessora de Relações Internacionais do Grupo Tiradentes, Júlia Gubert, é fundamental que o aluno possua uma compreensão básica do idioma que serão ministradas as aulas. “Há algumas instituições parceiras que ofertam disciplinas em inglês, apesar do idioma oficial do país ser outro. Nesses casos, é de extrema importância que o aluno possua um bom nível de inglês”, alerta.

No que diz respeito ao aspecto cultural, o estudante tem que ter em mente que estará em uma realidade diferente da sua e que precisa respeitar os costumes e leis do país onde está estudando. “A maneira como lida com as diferenças culturais pode ser algo bastante benéfico, proporcionando o amadurecimento e o sentimento de empatia em relação ao outro”, destaca Júlia.

Alojamento, alimentação, transporte são gastos de responsabilidade do aluno, por isso o custo de vida tem que ser levado em conta. “As instituições do Grupo Tiradentes possuem convênios com diversas instituições ao redor do mundo, que podem ser consideradas mais acessíveis, de acordo com o país e região na qual se localizam”, afirma a assessora.

Por fim, o aluno deve pesquisar sobre a estrutura que a universidade oferta para as atividades do seu curso nessas instituições, pois assim já terá prévia de como será sua experiência. “Há aspectos negativos que podem ser resultado de uma decisão mal planejada, além de uma frustração criada pela falta de pesquisa e planejamento prévio”, conclui.

Asscom | Grupo Tiradentes

Compartilhe: