V E S T I B U L A R UNIT
MENU

E-commerce e redes sociais impulsionam o Design Gráfico

Crescimento e profissionalização dos setores fizeram os profissionais com formação em Design Gráfico serem ainda mais requisitados durante a pandemia.

às 14h54
A área de design vem sendo demandada e está alinhada com o momento de convergência das mídias sociais e internet (Unsplash)
A área de design vem sendo demandada e está alinhada com o momento de convergência das mídias sociais e internet (Unsplash)
Compartilhe:

O crescimento do e-commerce e a demanda cada vez maior relativa à profissionalização das redes sociais de empresas, pessoas físicas e jurídicas, são alguns dos nichos de mercado que impulsionaram a área de Design Gráfico em todo o país.

Com a pandemia e a necessidade de estar cada vez mais presente no ambiente virtual, o profissional especializado no desenvolvimento de projetos de comunicação visual, novos produtos e embalagens, logotipos, materiais visuais, outdoors e páginas da internet, entre outros elementos, passou a ser ainda mais requisitado.

“A área de design está alinhada com esse movimento tecnológico, onde todas as mídias estão convergindo para as redes sociais, internet. O profissional de Design Gráfico é muito requisitado por conta disso, sendo que é uma área muito tranquila no relacionamento e no trato com as demandas, mas é uma área que está frequentemente em alta por causa dessas necessidades”, destaca o professor Marcelo Almeida Santana, coordenador operacional do curso de Design Gráfico e Interiores da Universidade Tiradentes (Unit Sergipe).

Empresas e instituições de diversos segmentos necessitam de designers gráficos para desenvolverem suas ações de comunicação, como agências de publicidade, empresas de produção audiovisual, órgãos públicos, entre outros.

“O Design dentro da profissão está mais relacionado a projeto, projetação, planejamento, e não ao desenho específico. As pessoas fazem uma tradução literal e acham que a pessoa que faz Design Gráfico vai virar um artista. A gente até pode aprender ilustração, assim como aprendemos fotografia, tipografia, são formas de comunicação, mas não vivemos apenas do desenho”, enfatizou o professor.

Formação profissional

“Essa questão da formação é essencial para qualquer área e no caso do Design Gráfico não é diferente. Nosso curso está totalmente alinhado com essa pluralidade, já que a universidade se preocupa muito com a questão de inovação, internacionalização e o curso está também alinhado a isso. Por causa dessas e outras questões, como laboratórios atualizados, biblioteca, etc., é que costumamos dizer que cursar Design Gráfico na Universidade Tiradentes, principalmente aqui em Sergipe, é um grande diferencial. Temos um curso pioneiro no Estado e professores que atuam na área para fazer um curso que realmente vale a pena participar”, ressaltou. 

Asscom | Grupo Tiradentes

Compartilhe: